.PS Almeida aberto à sociedade

Faz chegar a tua voz ao PS Almeida com notícias, opiniões, sugestões, comentários, críticas, textos... p.s.almeida@sapo.pt
Quarta-feira, 31 de Dezembro de 2008

Imoral e discricionário

Fomos confrontados, na última reunião de Câmara, com o indeferimento de um pedido de licenciamento de uma pequena obra, em Almeida, no largo em frente à igreja da Misericórdia. Ficámos a saber, após explicação do Sr. Presidente da Câmara, que se tratava da licença para colocação de uma grade, numa janela já existente. Mais, que tinha sido indeferido o pedido, porque os serviços técnicos da Câmara argumentaram, que a colocação da grade, ficaria desenquadrada do contexto arquitectónico envolvente. Curiosamente podem observar-se naquela praça, pelo menos, seis gradeamentos em varandas! Seria compreensível e razoável, se tivesse sido condicionado o licenciamento à aplicação de materiais (ferro forjado, ou similar), cor, dimensão, desenho, etc., mas indeferir liminarmente por desenquadramento, é, no mínimo, injusto e incompreensível.

É por haver decisões como esta que, cada vez mais, assistimos ao abandono crescente das casas intra-muros, com a degradação daí decorrente e transferência para a Vila exterior dos poucos moradores, que ainda persistem em viver nesta terra.

Almeida antiga é cada vez mais uma urbe despovoada, ruas e mais ruas quase desertas, onde pouco mais resta que a nostalgia do bulício de tempos idos e a indignação sussurrada, muito contida, pois há muitos “ouvidores do rei”! Os vereadores socialistas discordam, em absoluto, deste estado de coisas e manifestaram, na reunião de Câmara acima referida, a sua oposição.

Actualmente não há nenhum regulamento específico que norteie a construção ou restauro de habitações no espaço intra-muros e, é urgente que exista. Só assim poderá haver tratamento igual dos potenciais interessados. Só com regras claras, que todos conhecem e compreendem, se acabará com a actual incerteza do que se pode, ou não, fazer em matéria de obras, em vez de ficar à mercê da decisão subjectiva dos técnicos, pois o Sr. Presidente da Câmara limita-se a lavar as mãos, como Pilatos.

            Poderá parecer excessivo o que atrás disse, mas os factos confirmam-no. Como pode indeferir-se uma licença para colocar uma grade numa janela e permitir-se que se faça um prédio num quintal? Ou construir-se uma casa com um andar, onde apenas havia um casebre?  Ou construir-se um prédio cubista, com uma parte importante, ocupando o espaço aéreo da via pública? Ou pior ainda, pretender a própria Câmara edificar um miradouro, com linhas modernistas, em frente ao velho cemitério, no ponto mais alto da cidadela, alterando por completo a silhueta da vista da vila de Almeida? Quem autorizou a edificação do prédio, já conhecido por mamarracho, na praça junto à Câmara, não tem autoridade moral para indeferir, o que quer que seja, com o argumento de falta de enquadramento! Estará também enquadrado com a envolvente a decoração da “Porta Nova”?

Governar é decidir. Se a decisão foi boa ou má cabe aos munícipes avaliar, nas eleições. Lavar as mãos e não decidir alterar tamanhas injustiças, é sempre péssimo e só pode chamar-se desgoverno.

            Uns podem fazer tudo, outros nada. Basta de decisões discricionárias. Mudar é possível!

                                Orlindo Vicente e Carlos Pereira

 

publicado por psalmeida às 08:57

link do post | comentar | favorito
32 comentários:
De Vasco José a 31 de Dezembro de 2008 às 10:59
Não pretendendo colocar em causa a palavra escrita de Vs. Exas., até porque certamente haverá documentação suporte para tudo o que escreveram, num primeiro impulso ao ler estas linhas, eu digo muito sinceramente que não acredito, ou então só poderão estar a brincar com coisas sérias.
A Câmara Municipal de Almeida ao aprovar e autorizar a construção do edíficio que se encontra no largo onde ela própria se situa, dentro do centro histórico; a Câmara Municipal de Almeida ao estar a pensar em construir os tais observatórios de cariz futurista, dentro do centro histórico e não autorizar agora a colocação de uma grade como é descrita neste post, só vem dar razão a todos quantos últimamente têm criticado os responsáveis máximos daquela autarquia, pelo cariz de incompetência.
Repare-se que no texto base não se afirma nem tão pouco se dá a entender qual a simpatia política do proprietário da varanda. Nem quero pensar que a decisão tomada pela autarquia pudesse de alguma forma roçar o inverosímil, pelo facto.

Não sou filiado político em qualquer partido, mas estou atento a estas coisas, como cidadão.

Creio que a partir daqui a valorização de incompetência atríbuida aos responsáveis autárquicos de Almeida, deixa de ter qualquer sentido de atribuição, neste ou noutro qualquer blogue da região.

Eu prefiro outro nome: ignorância pura.

Seria de bom senso que o PSD partido suporte do actual Executivo, se manifestasse relativamente a este tema pelo facto de ser extremamente grave no aspecto social.

Aguarde-se.

Um bom fim de ano para todos.
De Vitor Almeida a 2 de Janeiro de 2009 às 11:56
Um bom Ano, cheio de saúde, para todos.
Aproveito deste post a ideia/facto: “Almeida antiga é cada vez mais uma urbe despovoada”…
Na última Assembleia Municipal, entre outras coisas de grande interesse para o Concelho, o membro Dr. Matias lançou uma ideia/proposta que, no meu entendimento, é muito feliz e poderia muito bem dar uma resposta estratégica a este problema bem como a outros! Ideia que o Presidente da Câmara não entendeu, sempre receoso de que as intervenções são ataques, desenvolvendo assim um constante sentimento de perseguição pessoal, enfim… que pena! A ideia é brilhante por ser eficaz e simples. A Câmara Municipal adquiriria alguns dos edifícios que se encontram ou em ruínas ou desabitados e, aproveitando os serviços técnicos e mão-de-obra, construiria casas sociais e casas para turismo rural. Por um lado daria uma resposta social condigna sem necessidade de construir “caixotes” para albergar os mais desfavorecidos, ao mesmo tempo recuperava grande parte das ruínas dos imóveis do interior /muralhas, criando condições para existir mais “Vida” no seu interior. Por último poderia arrecadar algumas receitas que tão escassas andam!
Já agora aproveito para informar, desta forma, outras intervenções na referida Assembleia:
• Sobre o principal ponto da ordem de trabalhos, Orçamento para 2009, ocorre-me dizer que o documento apresentado ao executivo não foi o mesmo apresentado aos membros da Assembleia! O curioso é que esta situação não mereceu uma explicação do Presidente. Foi graças aos representantes do PS no executivo e às suas orientações e criticas sobre gralhas graves que o documento final do Orçamento pode chegar à Assembleia. Por outro lado, podia referir aqui muitas críticas/observações apresentadas ao Orçamento, brilhantemente apresentadas nas intervenções dos membros: Frias, Escaleira, Ricardo, Patrício, entre outros, mas, no seu conjunto , podem concluir-se na seguinte ideia: muitas rubricas abertas, pouco dinheiro… muito dinheiro canalizado para a “Municipia”! Se não houver apoio do Estado nenhuma obra de vulto!!!!!!!!!!
• Um outro momento que registo, foi aquele em que após uma clara e pertinente intervenção sobre documentos técnicos, por parte do membro Frias, o Presidente novamente fez estalar o verniz exaltou-se e chamou pessoal técnico por não saber dar uma resposta… Concluindo-se que o Frias tinha razão sobre a situação do empréstimo anterior, não fazer parte do actual orçamento… (mais uma!).
• Sobre a minha intervenção relativamente ao “arame farpado e lixo de toda a espécie” nas muralhas bem como a situação dos arrendatários dos fossos. Novamente o Presidente mostrou um comportamento de sentimento de perseguição e passou ao ataque não percebendo que a minha intervenção era construtiva. Apenas estava a lembrar que do total de 10 arrendatários apenas existe um com vida! Em resposta referiu que o Vice-Presidente estava a contactar as pessoas (espero que não ande a contactar os mortos!!!!!!). E que como não era jurista não podia dar resposta à situação! No mínimo ridículo, o que vos parece?! Sobre o bar do Picadeiro, blá, blá, blá… conclusão, ainda não vai abrir!
• O Patrício esteve brilhante também quando saiu em defesa do Ministro da Agricultura. Lembrou a todos os presentes que o último grupo de Sapadores se ficou a dever à colaboração de quase todos e em particular dele e do Ministro. Colocou assim a ridículo a presunção do feito ser só deles…
• Da parte da bancada da CDU. O Presidente de Freguesia, muito morno, foi colocando algumas questões de interesse mas sem se chatear muito, num ponto importante nem obteve resposta! Mas tudo bem! O colega Zé Vaz, esse sim foi altivo mas para quê? Para criticar o Governo da nação! No mínimo ridículo, mas é mais do mesmo!
• Já a finalizar a sessão o amigo de Castelo Bom, membro da bancada PSD fez uma intervenção que de tão bizarra não a consigo adjectivar. Referiu que os membros do PS manipulam todas as intervenções gastando por isso muito tempo. O bizarro disto é que os membros da bancada PSD entram mudos e saem calados… também mais do mesmo! Para mais pormenores consultem a acta da reunião Abraço para todos e novamento o desejo de um Bom Ano.
De vf a 31 de Dezembro de 2008 às 11:38
Sou militante do PS e não sou a favor deste tipo de blog, quando se vem para estes espaços a falar mal dos outros, quando eles (autores do blog) nada fizeram e fazem para mudar os rumos do concelho é de um nível muito baixo ver pessoas que querem chegar ao poder seja da forma que for e da maneira mais fácil que é dizer mal dos outros, coloquem bem a mão na consciência, quando em dois actos eleitorais não se conseguiu ganhar a câmara sempre com o mesmas caras, temos que mudar de rostos nos cartazes nas próximas eleições, não concordam? Se assim não for a derrota será maior que a outra anterior. Lembrem-se bem de isto…Será maior. Tenham coragem para por os reumáticos em segundo plano o concelho tem gente capaz de vencer a câmara ao Prof. Batista se assim não for eu voto CDS
De vitorino a 31 de Dezembro de 2008 às 11:57
Um dia destes, tive que acompanhar um familiar meu ao hospital da guarda, esperei mais de 8 horas por noticias do meu familiar, estas linhas são dirigidas ao partido socialista e principalmente aos vereadores da câmara municipal de almeida que se preocupam mais com uma simples varanda na praça da republica em vez da saúde no concelho, pois eles são a favor do encerramento das urgências do concelho de almeida são a favor da não construção do novo quartel dos bombeiros, mas afinal o que pretendem para o nosso concelho? Nem todas as pessoas do concelho podem ser tratadas no hospital de Salamanca.
Bom ano a todos
De psalmeida a 31 de Dezembro de 2008 às 16:41
Curioso comentário, o do Sr. Vitorino. Só a ignorância ou, talvez má fé, o tenha motivado a escrever o que escreveu. Assim, para que fique claro, de uma vez por todas, o Partido Socialista do concelho de Almeida, e naturalmente os seus vereadores também, sempre defendeu, defende e defenderá a construção do novo Quartel de Bombeiros, como o podem provar, pois são públicas, as actas das reuniões da Câmara Municipal e das sessões da Assembleia Municipal, em que esse assunto foi abordado. Mais, caso esses documentos sejam, por alguns, considerados insuficientes, também podemos afirmar, e a seu tempo, caso seja necessário divulgar, que o Partido Socialista de Almeida remeteu, para a tutela respectiva, documentação em que se defendia a construção do novo Quartel.
No que se refere às questões relacionadas com a Saúde, somos, como sempre o fomos, defensores de um sistema eficiente e eficaz, que permita socorrer, em tempo útil, todos os munícipes. Assim, para nós, o importante é prevenir os riscos de doença. No entanto, quando, lamentavelmente esta surge, o importante é actuar com rapidez, eficiência e eficácia, com meios materiais e humanos suficientes e, muito importante, desburocratizando o sistema.
Resumindo, não fazemos “chicana política” com a saúde, ou falta dela, dos nossos concidadãos. Seriedade é necessária, na política também.


De R V a 31 de Dezembro de 2008 às 16:02
Não me parece que exista qualquer justificação por mais verosímil que se possa imaginar, que justifique o que o texto principal nos informa.
Como apoiante independente que fui do grupo do PSD, hoje reconheço que fui enganado.
Deram-me alguma justificação para o afastamento de pessoas como os srs José Augusto e João Neves. Mas pelo que se está a passar, parece que afinal eles os dois é que tinham razão.
Noto um certo desapontamento em alguns dos funcionários da edilidade, perante o que internamente se está também a passar.
Como já alguém afirmou, muito tempo no mesmo lugar, criam-se raízes viciantes.
Ainda se por cima algumas das alterações fossem positivas, mas pelo histórico já se devia saber que só poderiam dar buraco.
Enfim. Creio estar na hora da mudança.
Contem com a minha pessoa e respectiva família.

De Raul a 31 de Dezembro de 2008 às 16:22
Subscrevo por baixo da assinatura do autor do primeiro comentário.

Entendo que gente com algum conhecimento e responsabilidade de âmbito social, deve procurar unir-se e criar uma plataforma de oposição ao poder doutrinado de forma a recriarmos no nosso concelho de Almeida o valor da honradez e da veridicidade.

Caberá de alguma forma ao PS procurar liderar essa onda de interesse. Se assim for, estarei em qualquer uma das linhas criadas.

Que 2009 seja bem melhor para todos nós.


De A.P.M. a 31 de Dezembro de 2008 às 16:29
Perante o texto colocado pelos dois Vereadores do Partido Socialista, a situação que se está a passar no interesse da Câmara Municipal, ou de alguns dos seus responsáveis, merece uma análise muito mais profunda e se calhar de âmbito mais fiscalizador.

A ser verdade o que se publicou, o Partido Social Democrata tem que vir a público, OBRIGATÓRIAMENTE, dar uma justificação, ou então demarcar-se da posição assumida pelo Executivo.

Ficaremos a aguardar.
De Anónimo a 31 de Dezembro de 2008 às 18:51
Diz o Sr. A.P.M. "...A ser verdade o que se publicou, o Partido Social Democrata tem que vir a público, OBRIGATÓRIAMENTE, dar uma justificação, ou então demarcar-se da posição assumida pelo Executivo...=.

Vai desculpar-me Sr. A.P.M., mas só por ilusão poderá querer que a estrutura concelhia do PSD tome qualquer posição. Se reparar nos nomes que compõem a Comissão Concelhia do PSD, tem que concordar que é um orgão sem autonomia em relação ao "seu" executivo, o seu presidente não tem vontade própria nem penso que tenha coragem suficiente para dizer algo contra os "seus senhores".
Não concorda? Veja que um dos mentores e penso que até projectista dos mamarrachos todos de Almeida e das agressões ao seu histórico património, foi LOUVADO: é só inquirir qual foi a classificação que mereceu pelo seu desempenho. Nada mais nada menos que um MUITO BOM.

E se pensam que o que estou a dizer é escárnio ou maldizer, desilundam-se.É revolta por toda esta falta de seriedade. É revoltante

O ano de 2009 tem que marcar a diferença na mudança: é altura de tentarmos outra gente a orientar os destinos de Almeida.
Peço o emprenho de todos, a todos mesmo, sem olharmos a partidos e ideologias, para que o Concelho tenha outra equipe no poder.
Vamos dar todos um pouco de nós para que este meu anseio se torne realidade.

D.A (Almeida)
De psalmeida a 31 de Dezembro de 2008 às 19:35
Comentário recebido em p.s.almeida@sapo.pt:

Acabo de ler os comentários ao post e fquei perplexo. O suposto militante do PS, direi que anda distraído, não fala com outros socialistas, ou nem sequer socialista é, caso contrário identificava-se, pois quem é socialista está habituado a lutar de cara descoberta. Depois, se desconhece o trabalho dos vereadores do PS e quer falar dele, deve informar-se primeiro, porque o que afirma é revelador de total desconhecimento. Se estiver interessado em obter informação, terei muito gosto em corresponder. Nas 1ª e 3ª terça-feiras de cada mês estarei na Câmara de Almeida e poderemos conversar no final da reunião. Quanto aos candidatos às próximas autárquicas, com novos ou velhos rostos, ver-se-á. Neste blog há uma consulta de opinião e como pode ver, a maioria discorda do senhor. Em democracia quem decide é a maioria!
No que concerne ao Sr. Vitorino, que esteve no hospital da Guarda oito horas à espera de informação de um familiar, entendendo, pelo visto, que cabe aos vereadores socialistas resolver o problema, enganou-se no comentário, porque o assunto do post não é saúde. Mas não vou fugir ao tema que introduziu, embora a sua postura seja a de, "quem não tem cão,caça com gato". Tenho absoluta certeza, que se tivesse sido atendido no centro de saúde de Almeida, a celeridade seria outra. Fala do encerramento de urgências no nosso concelho, com aparente preocupação, mas desconhece que tal hipótese nunca se colocou. No entanto ao Sr., se tal realidade se verificasse, pouco o afectaria, uma vez que, actualmente, já vai à urgência à Guarda. O Ministério da Saúde actual não quer fechar urgências, antes se propõe abrir algumas novas. Quer, sim, racionalizar recursos, alterar horários de funcionamento dos SAP(serviços de atendimento permanente) e encaminhar os doentes urgentes para os locais correctos. Afirmações como as que proferiu, revelam deconhecimento ou, no mínimo, má vontade. Quanto às demais afirmações, fora de contexto, consulte as actas das reuniões de Câmara, que são públicas, e verá que são despropositadas. Diz o povo, a mentira tem pena curta!
Carlos Pereira
De Jorge Raimundo a 31 de Dezembro de 2008 às 21:24
Atenção que os dois comentários assinados por VF e Vitorino, são ambos feitos com data de 31 de Dezembro. Um às 11:38 e o outro às 11:57.
Se me permitem uma análise rápida, creio que foram feitos e enviados um a seguir ao outro, com o intervalo de tempo da escrita.
Se me permitem uma análise rápida, a forma de escrita é muito semelhante uma da outra, bem como a pontuação feita.
Se me permitem uma conclusão rápida e pedindo desculpa antecipada em caso engano(?), os dois comentários são da mesma pessoa, feitos no mesmo computador e o autor não é do PS, mas de um qualquer outro partido.
O objectivo dele(s) não foi atingido.
Como diz o nosso Povo, o tiro saiu pela culatra.

Nota: Não sou filiado em nenhum partido político. Já votei em diversas pessoas para as autarquias. Sinto-me à vontade para tecer estas críticas.

Que tenham todos um Feliz Ano de 2009.
De vitorino a 1 de Janeiro de 2009 às 21:45
ANALIZANDO AS SUA PALAVRAS (O Ministério da Saúde actual não quer fechar urgências, antes se propõe abrir algumas novas. Quer, sim, racionalizar recursos, alterar horários de funcionamento dos SAP (serviços de atendimento permanente) e encaminhar os doentes urgentes para os locais correctos.) entende-se que Sr. não gosta da gente de Almeida. Alterar o horário do SAP, ISTO QUER DIZER QUE FECHA A QUE HORAS? ÁS 22:00 OU ÁS 00:00? APRTIR DESSA HORA QUEM É QUE VAI ENCAMINHAR OS DOENTE MAIS URGENTES? PORQUE OS MENOS URGENTE ESPERAM QUE O OUTRO DIA VENHA PARA SER TRATADOS! OU NÃO... DIZ O POVO, EM CASA DE FERREIRO ESPETO DE PAU!
VITORINO
De Carlos Rodrigues a 1 de Janeiro de 2009 às 20:41
Então o que é que o Partido Social Democrata tem a dizer sobre isto?
Concorda ou discorda?
Os militantes e simpatizantes perante uma situação como a descrita, continuam a apoiar esta equipa?
Entenderão que chegou a hora de mudar de líder, que ainda por cima não é filiado no partido?
Com tantas asneiras que este executivo PSD tem vindo a fazer, merecendo especial destaque os gastos astronómicos de dinheiro, ao ponto de já ter tido necessidade de recorrer a um empréstimo bancário para efeitos de tesouraria, só me parece que os seus apoiantes devem repensar em termos de futuro o que fazer com esta gente.

Por mim está decidido.

Feliz 2009.
De MPT a 1 de Janeiro de 2009 às 21:59
Pois é, o António Batista não é filiado no partido, mas é um homem respeitado pelo partido que ele representa, nunca virou a casaca como muitos do PS que já andaram a concorrer contra o próprio partido. Alguém se lembra do partido da terra? Sabem quem era o candidato? Aqui está a diferença das pessoas, uns não são filiados, mas cumprem! Outros por mais cambalachos que haja já mais lá chegaram .
De Anónimo a 1 de Janeiro de 2009 às 22:08
Uma Câmara que não tem vergonha de fazer as asneiras, os disparates, as agressões que têm sido feitas na Vila de Almeida, não tem moral para negar seja que obra fôr , no Centro Histórico da mesma.
Caso contrário, só poderei questionar se o actual Presidente e seus vereadores terão realmente alguma moral.
Vamos lá analisar bem este assunto: em que se baseia o Sr. Presidente da Câmara para autorizar todos os mamarrachos que fizeram até agora e todos os outros que estão a planear implantar na Vila e negar ou não autorizar a colocação de uma simples grade numa janela? Em quê, homem de Deus?
Por muito que digam que isto são criticas, não deixa de ser verdade. Digam-me e provem que estes não são os factos.

Sr. Presidente Baptista Ribeiro. O Senhor não vê que a continuar com essa arrogância, esse autismo, esse egoísmo, essa falta de humildade não pode ser um lider estimado e querido pelos Almeidenses? Não vê que a grande maioria das pessoas que o rodeiam, que o veneram, que lhe dão as palmadinhas nas costas e o levam para tudo o que são festas, não vê que toda essa gente, está ao seu lado por interesses pessoais e um dia o Senhor vai ficar sózinho ? Indique-me um, um só, que esteja do seu lado sem qualquer tipo de interesse privado. Só um Presidente Baptista Ribeiro. Se conseguir ser racionalista, não encontrará nenhum.
Raciocine com calma, com fireza e verá que aqueles que estavam ao lado do Dr. Costa Reis de uma forma desinteressada, por amor à camisola, o Senhor ou a sua equipa, afastou-os todos. Como pode acreditar em gente que só lhe vem trazer boas noticias, naqueles que lhe dizem que em 2009 o Senhor já ganhou em Almeida, que está prestes a ganhar em Vilar Formoso, que o Arrabalde de Sto . António é todo seu, que os Bombeiros são todos PSD, que já ganharam na Freineda e em quase todas as pequenas freguesias? Não vê que esta conversa já não é nova? Já em 2005 diziam a mesma coisa, ainda não reparou? e então o que aconteceu? por 90 votos não perdeu.
Quem está a escrever este comentário, acredite que é seu amigo, e só não o assino, porque era comido pelos componentes da sua equipa.
Ao Dr. Orlindo , quero transmitir-lhe que, para o apoiar, só falta que eu tenha garantias que vai dar uma vassourada na equipe de acessores que rodeiam o actual presidente e tanta agressão estão a causar ao património histórico de Almeida, que não preconceitos em cometer injustiças em relação aos habitantes deste concelho. No dia que garantir que vai livrar Almeida desses senhores autores de mamarrachos verá que não terá só o meu voto mas também de grande parte dos eleitores, principalmente eleitores da Freguesia de Almeida.

Eleitor

Comentar post

.Concelhia PS Almeida

.pesquisar

 

.Maio 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. CONVOCATÓRIA --ELEIÇÃO D...

. Discurso do Ps Almeida no...

. Intervenção do PS Almeida...

. Ano Novo Vida Nova

. Demissão dos incompetente...

. Resultados Eleições Primá...

. Resultados Federação ...

. Eleições Primárias - Ca...

. Discurso sobre as comemor...

. 40 anos do 25 de Abril

.arquivos

. Maio 2016

. Abril 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.links

.história partido socialista

.horas certas

.Visitas

.AVISO

Para preservação de um nível crítico elevado os comentários anónimos ofensivos, caluniosos ou obscenos podem ser eliminados do blog.
blogs SAPO

.subscrever feeds